Corpo, Cultura e Movimento e Punhobol


O organizador do 3º Festival de Punhobol da Escola Municipal França Pinto, Leonardo Costa da Cunha, era só sorrisos após o evento desenvolvido no último sábado, dia 9. Os recordes foram todos batidos, tanto na participação de escolas, que chegou a nove, quanto no número de alunos, que ultrapassou o 120. Esse ano o evento, que acontece desde 2013, teve nove escolas participantes. Além da anfitriã França Pinto, participaram também as escolas Clemente Pinto, Porto Seguro, Wanda Rocha, Peixoto Primo, Helena Small, Antônio Carlos Lopes, IFRS e Cesam, além de cerca de 120 estudantes e professores praticando Punhobol em quatro quadras montadas no Centro Esportivo da Furg. Além das escolas rio-grandinas, o IFSul – Camaquã também esteve representado pelo professor de Educação Física Tales Amorim, que é um dos maiores incentivadores do Punhobol no Brasil. Ainda de acordo com o professor Leonardo, é importante ressaltar que o principal objetivo do evento foi alcançado, que é o de divulgar o esporte na cidade, aumentando o número de praticantes, tendo em vista que, pelo menos, metade dos participantes nunca tinham vivenciado o esporte. O festival contou com o apoio da Assessoria Pedagógica da Educação Física da SMEd e dos acadêmicos de Educação Física da Furg, que fazem parte do Pibid (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência). Os mesmos acadêmicos também organizaram, em paralelo ao Festival de Punhobol, uma série de atividades corporais para os escolares, como caminhadas por trilhas, slackline, jogo de taco, atletismo e jogos coletivos diversos. Tais atividades fizeram parte das comemorações de 61 anos da EMEF França Pinto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário